30 de janeiro de 2014

Aceleração de Coriolis

Imagino sempre que há um sorriso que me acompanha – o teu sorriso – enquanto me abandono a ler à mesa de café ou repouso num banco de jardim o meu corpo cansado de contemplar o mundo.