27 de março de 2008

Borges dixit

Não sei qualificá-lo: desalento ou misoginia; mas o certo é que cada vez mais me convenço que, no que diz respeito às mulheres, Borges tinha razão.